5 de mai. de 2018

Não-binariedade: Alinhamentos

Hoje vou falar especificamente sobre os alinhamentos de gênero. Assim como há rótulos para identidades, há também para alinhamentos. Esses termos não são identidades em si, apenas descrições que podem ser usadas para explicar melhor as experiências de gênero de alguém.

Lembrando que esse conceito é útil apenas para pessoas não-binárias. Gênero é um tópico complexo e abstrato, por isso alinhamento pode ser algo difícil de entender, principalmente por pessoas binárias.

É muito comum não-bináries terem alinhamentos com homens, mulheres, ou ambos esses gêneros porque são os únicos gêneros validados, como também todes são socializades dentro deles. Acaba sendo frequente pessoas designadas homens ou mulheres encontrarem semelhanças ou ligações com os gêneros binários, mesmo que sejam estereótipos ou experiências até negativas.

O conceito de alinhamento foi feito para tentar preencher um vazio nas identidades de pessoas n-b, mesmo quando seus gêneros e/ou suas experiências são parecides com homens e mulheres, já que a existência não-binária ainda é complexa perto da binariedade.

E podem existir alinhamentos com gêneros não-binários porque as pessoas buscam características desses gêneros para si, ou também têm experiências que as conectam com eles, mesmo que não se reconheçam intimamente como desses gêneros. Lembrando também que o alinhamento pode ou não influenciar da identidade de gênero em si.



Solariane: em várias culturas o Sol é associado com o homem ou masculinidade. Ume solariane é alguém que tem similaridades em experiência ou identidade com homens. Esse termo serve como uma alternativa para descrever uma pessoa alinhada com o gênero binário masculino.


Lunariane: em várias culturas a Lua é associada com a mulher ou feminilidade. Ume lunariane é alguém que tem similaridades em experiência ou identidade com mulheres. Esse termo serve como uma alternativa para descrever uma pessoa alinhada com o gênero binário feminino.


Estelariane: com tantas identidades e apresentações assim como as estrelas no céu, ume estelariane é alguém que não tem alinhamento (forte) com os gêneros binários ou mesmo que rejeita alinhamento com ambos, restringindo-se a alinhamentos com gêneros não-binários.


Eclipsiane: combinação de solariane e lunariane. Ou seja, a pessoa tem alinhamento com o gênero masculino e o gênero feminino.


Nebulariane: combinação de lunariane e estelariane. Ou seja, a pessoa tem alinhamento com o gênero feminino e um ou mais gêneros não-binários.


Novariane: combinação de solariane e estelariane. Ou seja, a pessoa tem alinhamento com o gênero masculino e um ou mais gêneros não-binários.


Galaxiane: combinação de solariane, lunariane e estelariane. Ou seja, a pessoa tem alinhamento com o gênero masculino, o gênero feminino e um ou mais gêneros não-binários.


Auroriane: conexão parcial com solariane.


Crepusculiane: conexão parcial com lunariane.


Celestiane: conexão parcial com estelariane.


Singulariane: ausência de alinhamento, rejeição total a identidades e alinhamentos, sendo uma existência num plano separado de todos os alinhamentos.


Abaixo um gráfico simplificando todos os rótulos de alinhamentos galácticos.


Xenique: uma pessoa cujo alinhamento não está dentro do binário de gênero e nem nas experiências consideradas humanas. Ao invés de qualidades, essa experiência só pode ser descrita por conceitos, sentimentos, animais, plantas, estéticas e outras coisas não relacionadas a gêneros.




Explicando um pouco mais sobre os alinhamentos galácticos, essa temática de espaço (ou universo) foi usada porque o espaço em si não tem gênero, mesmo que culturas tenham associado elementos espaciais com qualidades. Além disso, identidades n-b já foram muito associadas com espaço (tirando Sol, Lua, Marte, Vênus). Por isso criou-se essas terminologias espaciais, que foram muito bem recebidas pelas comunidades n-b anglófonas.

Também começarei a usar esses termos, principalmente solariane e lunariane, para assim ficar mais prático falar de pessoas n-b alinhadas com homens e mulheres.

E por hoje é só!



Nenhum comentário:

Postar um comentário